388° dia – Adeus Gotemburgo


Estou agora (5 da manha) no aeroporto de Gotemburgo, esperando o check in abrir pro meu voo… Como o aeroporto eh longe da cidade acabei vindo cedinho, tambem porque os onibus pra ca nao sao frequentes…

Por sorte achei esse internet point aberto senao ficava sem nada pra fazer, o aeroporto nao eh grande aki (eh menor que o nosso Salgado Filho).

Depois do fim da conferencia na quarta feira, tambem nao consegui passear pela cidade. Tive uma reuniao com dois italianos e um professor de Londres sobre modelos de negocios em Software Livre. Interessante… fomos jantar fora (num restaurante grego!) e tudo… mas eu queria mesmo era estar passeando eheheh…

Mas nao tem problema, porque ontem foi mesmo o dia de passeio. Levantei cedinho, as 5 da manha (bom, o sol aqui ja aparece a partir das 3.30)… e calmamente me preparei pra jornada que eu ja sabia que seria longa.

Existe um passe chamado Gothenburg Pass, que por 24 horas te da direito a ver quase tudo na cidade por um preco fixo, incluindo transportes publicos. Meu objetivo era comprar esse passe e fazer o maximo possivel. A questao era que de manha naquele horario nada estava aberto ainda, principalmente o cambio, pois eu ja estava sem dinheiro e precisava trocar mais (aqui na Suecia a moeda eh o Kronor, nao o Euro).

Resolvi entao fazer uma bela caminhada ate o centro… De casa ate la fui pelas pracas que encontrava e tirando fotos pelo caminho (tenho toneladas de fotos). As 9.00 abriu a casa de cambio, onde troquei dinheiro e depois nas informacoes turisticas (que abria as 9.30), comprei meu passe.

Primeiro destino: Paddan Boats. Um passeio de 50 min num barco (estilo bateau mouche) pelos canais da cidade e por debaixo das pontes, e pelo porto, guiado (em sueco, alemao e ingles). Depois, dali fui almocar (num Mc Donalds eheheh) e fui pra outro Sightseeing. O Goldbus, chamado assim porque muitas equipes de esportes usaram ele pra desfilar quando venciam. Foi um passeio de 1 hora nesse onibus cabriolet… tambem guiado nas 3 linguas. Otimo pra conhecer os bairros e a arquitetura toda, tudo bem explicado. Do bus, direto pra outro barco. Dessa vez pro forte de Elfsborg. Otima opcao de passeio pra quem vem pra ca, o barco demora 30 min pra chegar a ilha onde esta o forte. 3 atores esperam as pessoas no pier e encenam contando a historia do forte, enquanto nos guiam caminhando pela ilha. Isso dura mais 30 min, e volta-se pro porto.

Voltando ao porto fui ao GötheborgsUtkiken, uma cobertura de vidro a 86 metros de altura, com pequenas janelinhas… de onde fiz belas fotos aereas da cidade. Dali, fui pro Universeum. Certamente umas das atracoes impordiveis pra quem vem aqui. Eh como um museu de ciencia e tecnologia, estilo oceanario (de Lisboa) e Visionarium (tbem em Portugal)… No brasil talvez um Ceclimar (de Imbe – ainda existe?) misturado com o Museu da PUCRS eheheheh… Interessante a parte da floresta, com animais da Amazonia!!! e o tunel no meio da piscina dos tubaroes.

Tudo controlado e perfeitamente de acordo com os horarios (foi dificil calcular, pois cada atracao tem horarios de inicioe fim, algumas fechando as 16.00), sai do Universeum ai pelas 18.00, ja morto… mas o melhor eu tinha deixado pro final… (tambem porque era o que fechava mais tarde). Do lado do Universeum esta o parque de diversoes Liseberg, um dos maiores do norte da Europa.

Mas um parque mesmo daqueles mesmo de filme. Pra quem conhece tem um jogo de PC chamado Roller Coaster… onde tem uma replica do parque. Nunca tinha ido em um parque assim "de verdade"… eh mesmo que nem no jogo eheheheh… Fui em 2 montanhas russas, com loopings, simulacoes da gravidade positiva e negativa, inversoes, alta velocidade e tal… fui numa montanha russa de agua (dentro dum barquinho que despencava a 60km/h), fui num negocio maluco que girava varias vezes de cabeca pra baixo (eheheh), num cinema 3D (espetacular, cada vez ficam mais reais as imagens!) e ainda numa torre panoramica pra ver toda cidade e o parque… onde tirei mais e mais fotos. Ufa.. fiquei la 4 horas! Virei crianca… 🙂

Cheguei em casa destruido, jantei Pringles e muffins… tomei um banho e nao consegui mais sair de casa… apesar de ainda querer ver a Palm House, uma casa toda de vidro… mas ja eram 00.50, e as 3.20 tinha que estar de pe pra comecar a arrumar as coisas e vir pra ca tranquilo…
Bom, aqui estou eu.. voltando pra Roma as 7.40….

Meu check-in vai abrir daqui a pouquinho, vou pra la. Tento botar mais fotos na web (inclusive as que comprei tiradas nas montanhas russas ahahahahahah).. Chego em Roma as 12.30, e vou direto pra casa. Hoje vai nos visitar o Pedro Rocha 🙂 chega tambem nesse horario, mas ta indo de carro. Apesar do cansaco quero muito encontrar o pessoal.. de repente vou pra casa, durmo o "minimo", e ja vamos pra diversao 😀 Abracos direto dos ultimos momentos na Suecia… um espetaculo de viagem… mais uma bandeirinha pra costurar na mochila de mochileiro.

Information and Links

Join the fray by commenting, tracking what others have to say, or linking to it from your blog.


Other Posts

Write a Comment

Take a moment to comment and tell us what you think. Some basic HTML is allowed for formatting.

You must be logged in to post a comment. Click here to login.

Reader Comments

Be the first to leave a comment!